Por que a pausa está sendo considerada como hora extra?

Isso acontece por causa da configuração padrão do sistema, que segue a súmula 437.

SÚMULA N.º 437. INTERVALO INTRAJORNADA PARA REPOUSO E ALIMENTAÇÃO. APLICAÇÃO DO ART. 71 DA CLT (conversão das Orientações Jurisprudenciais nºs 307, 342, 354, 380 e 381 da SBDI-1) (Inclusão dada pela Resolução TST 185 de 14.09.2012)

I – Após a edição da Lei nº 8.923/94, a não concessão ou a concessão parcial do intervalo intrajornada mínimo, para repouso e alimentação, a empregados urbanos e rurais, implica o pagamento total do período correspondente, e não apenas daquele suprimido, com acréscimo de, no mínimo, 50% sobre o valor da remuneração da hora normal de trabalho (art. 71 da CLT), sem prejuízo do cômputo da efetiva jornada de labor para efeito de remuneração.

Ou seja, para todos os funcionários que trabalham mais de 6 horas, o intervalo mínimo deve ser de 1 hora com tolerância de 5 minutos. Quando essa pausa for menor, a hora inteira ou parcial da pausa refeição deve ser remunerada como uma indenização ao colaborador.

Para alterar o tempo que esse intervalo mínimo não seja calculado como hora extra vá em Admin. > Customizações. Selecione a Regra-Padrão.

Na parte Tolerância altere o tempo no campo Para compensação da pausa por duração mínima insuficiente.

Ainda necessita de Ajuda? Entre em contato Entre em contato